Impossível não se deixar levar pela magia (e luxos) de Hollywood e de Beverly Hills, dois polos americanos que atraem turistas do mundo inteiro querendo conhecer esses locais que tanto aparecem nas telas de cinema

A primeira coisa que a maioria dos turistas faz quando chega a Hollywood é visitar a calçada da fama, um dos lugares mais fotografados da Califórnia. Mas não perca mais do que cinco minutos por lá. O turismo em massa domina o lugar, e o ideal é fugir desse clichê e explorar os bairros mais originais e sofisticados de Los Angeles que fizeram da cidade a meca do cinema, da música e da televisão. A Era de Ouro do cinema americano se refere, principalmente, aos filmes hollywoodianos produzidos entre as décadas de 1920 até meados de 1960. Destacam-se, nesse período, os filmes musicais, gênero bastante popular na época, capitaneados pela MGM, Warner Bros., 20th Century Fox e Paramount Pictures, além dos estúdios Disney, que se destacavam pela qualidade da produção e inovação. Nos anos 1930, o país se recuperava da Grande Depressão ocasionada pela primeira crise do capitalismo. O cinema erauma forma de incentivo para a reconstituição moral da população, que fazia sonhar.

 

 

Rodeo Drive: o endereço mais cobiçado do mundo
Sinônimo de luxo, moda e entretenimento, o endereço de Uma Linda Mulher, com Julia Roberts, ainda é uma das principais atrações de Beverly Hills. Esse shopping a céu aberto fica ainda mais bonito no início da noite, quando os turistas já estão indo embora e dá para passear com mais tranquilidade e conferir as novidades.

 

Após a Depressão, a indústria recupera-se e Hollywood vive seus anos de ouro em 1938 e 1939, quando surgem as superproduções. Novos recursos técnicos possibilitam o desenvolvimento pleno de todos os gêneros. Nessa época, as atrizes Bette Davis, Marlene Dietrich e Greta Garbo impulsionavam multidões às salas de cinema. Mas muitos cinéfilos alegam que a maior década do cinema é a de 1920, pois foi caracterizada pelo início do cinema falado, o que provocou uma mudança nos hábitos daqueles que frequentavam e faziam cinema. Foi nesse período que se popularizou o chamado American Way of Life e onde surgiram gênios como Charles Chaplin e os estúdios Metro-Goldwyn-Mayer, mais conhecido como MGM

Novo Studio Tour da Warner Bros.
O mais recente exclusivo tour da Warner é dedicado aos mais emblemáticos filmes da companhia. Tem como foco, justamente, a Era Dourada do cinema. A visita guiada é uma imersão inesquecível para os apaixonados por filmes e séries. O tour Classics Made Here acontece nas tardes de sextas-feiras e aos sábados. A duração é de 3h30.

 

Paramount Pictures ainda pulsa no coração de Hollywood
A Paramount Pictures é o terceiro estúdio de cinema mais antigo do mundo em operação e a última grande companhia com sede no distrito de Hollywood, na Melrose Avenue. Há uma visita bem exclusiva, com grupos pequenos de até sete pessoas. No passeio, você descobre alguns dos segredos mais bem guardados das produções épicas, como o naufrágio do Titanic, que foi todo filmado no estacionamento da empresa.

DEIXE UMA RESPOSTA

*

code